Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Uma Pepita de Sucesso

Tudo sobre saúde, trabalho, lazer, viagens, sucesso, família e estilo de vida.

Uma Pepita de Sucesso

Tudo sobre saúde, trabalho, lazer, viagens, sucesso, família e estilo de vida.

Pessoas que curam

IMG_20220429_105401.jpg

Vereda dos Prazeres, Prazeres, Calheta, Ilha da Madeira

"Falamos tanto das pessoas que ferem, que esquecemos das pessoas que curam.

Existem pessoas que são um verdadeiro sol nos dias nublados das nossas vidas.

Pessoas que nos estendem a mão, que nos encorajam, nos trazem à memória o que temos de bom e organizam nossos sentimentos.

São verdadeiras bússolas divinas que nos norteiam quando estamos desorientados.

Assim como há pessoas tóxicas, há pessoas medicinais que quando chegam perto da gente curam a nossa Alma.

O que torna uma pessoa assim não é a ausência de defeitos, é a delicadeza nos gestos.

É um dom que vai muito além do pensamento positivo.

É o comportamento que se manifesta nas situações mais corriqueiras, quando não tem ninguém olhando.

É uma gentileza desobrigada.

É possível detectar essa fragrância nas pessoas que não usam um tom superior de voz.

Nas pessoas que escutam e quando falam, evitam assuntos constrangedores.

A saída é desenvolver em si mesmo essa arte difícil de ser ensinada – pois não se encontra nos livros- e que, talvez por isso, esteja cada vez mais rara.

Perto delas a gente se abre sem reservas mesmo sem entender porque.

Ao lado delas nossa dúvida encontra alívio e nosso medo encontra abrigo.

Perto delas nosso riso é mais solto e o choro não tem receio de brotar.

Perto delas somos mais autênticos, e a vida ganha mais coerência e lucidez.

Essas pessoas nos transmitem paz sem que nenhuma palavra seja dita.

Silenciam nossa alma com cuidado e plantam sementes de otimismo em nosso coração.

Gente que abraça a gente só com sua presença, amansando nosso desconforto.

Vamos observar mais a nossa volta as pessoas que curam, o mundo está cheio delas!"

 

- Martha Medeiros

Desejos vãos

IMG_20211227_151348.jpg

Quinta do Furão, Santana, Ilha da Madeira

"Eu queria ser o mar de altivo porte
Que ri e canta a vestidão imensa
Eu queria ser a pedra que não pensa
A pedra do caminho rude e forte.
 
Eu queria ser o sol, a luz intensa
O bem do que é humilde e não tem sorte
Eu queria ser a árvore tosca e densa
Que ri do mundo vão e até da morte.
 
Mas o mar também chora de tristeza
As árvores também como quem reza
Erguem aos céus, os braços como um crente.
 
E o céu altivo e forte ao fim de um dia
Tem lágrimas de sangue na agonia
E as pedras essas, pisas toda a gente
Pisas toda a gente.
 
Mas o mar também chora de tristeza
As árvores também como quem reza
Erguem aos céus, os braços como um crente.
 
E o céu altivo e forte ao fim de um dia
Tem lágrimas de sangue na agonia
E as pedras essas, pisas toda a gente
Pisas toda gente."
 
- Florbela Espanca
 

Não te rendas ...

IMG_20200510_114122.jpg

Monte, Funchal, llha da Madeira

 

"Não te rendas, ainda estás a tempo
de alcançar e começar de novo,
aceitar as tuas sombras
enterrar os teus medos,
largar o lastro,
retomar o voo.
 
Não te rendas que a vida é isso,
continuar a viagem,
perseguir os teus sonhos,
destravar os tempos,
arrumar os escombros,
e destapar o céu.
 
Não te rendas, por favor, não cedas,
ainda que o frio queime,
ainda que o medo morda,
ainda que o sol se esconda,
e se cale o vento:
ainda há fogo na tua alma
ainda existe vida nos teus sonhos."
 
 - Mario Benedetti.
 
 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Mensagens

Posts mais comentados

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub