Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Uma Pepita de Sucesso

Tudo sobre saúde, trabalho, lazer, viagens, sucesso, família e estilo de vida.

Uma Pepita de Sucesso

Tudo sobre saúde, trabalho, lazer, viagens, sucesso, família e estilo de vida.

Colocar-se no lugar do outro

colocar-se no lugar do outro1.jpg 

 

Conhecemos as pessoas com quem convivemos diariamente?

 

Sabemos escutá-las?

 

Sabemos o que sentem?

 

Sabemos o que pensam?

 

Podemos ajudá-las?

 

Muitas vezes as preocupações e o stress o nosso dia a dia levam a que nos concentremos somente em nós, tornando-nos indiferentes aos outros.

 

A indiferença e o individualismo são males do nosso tempo, o que nos leva a esquecer que somos todos diferentes, pensamos e sentimos de forma diferente.

 

E, colocar-se no lugar do outro, ajuda-nos a perceber as suas necessidades,  os seus sentimentos e os seus problemas.

 

Colocar-se no lugar do outro permite-nos compreender as suas acções, as suas reacções e as suas emoções.

 

Ao colocar-se no lugar do outro, evitamos julgamentos precipitados.

 

Ao colocar-se no lugar do outro melhoramos as nossas relações interpessoais.



 

Imagem: AQUI

 

Brinquedos Vintage - Polly Pocket

IMG_20190127_132115.jpg

 

Nunca me desfiz dos brinquedos das minhas filhas.

 

Porque tenho uma garagem enorme onde cabem dois carros e armários nas paredes, para guardar toda a tralha, inclusive os brinquedos.

 

A minha filha mais velha tem uma diferença de 15 anos da mais nova, havendo outra filha pelo meio, logo fui guardando tudo para passar de umas para as outras.

 

Quando a Beatriz nasceu, a mais nova, agora com 16 anos, não comprei brinquedos, porque tinha toda a colecção da Barbie, da Polly Pocket, das figuras da Disney, bebés de todas as espécies e respectivos acessórios, como casinhas completas.

 

 

IMG_20190127_132201.jpg

 

 

E ainda bem que não me desfiz dos brinquedos, porque agora temos a Maria Clara, a neta com 4 anos, que quando vem cá a casa, quer brincar com os brinquedos da mãe, da tia Silvana e da tia Beatriz.

 

 

IMG_20190127_132312.jpg

 

 

Tenho tudo arrumado e organizado em caixas.

 

- Avó, hoje quero brincar com as pollys. - pede a Maria Clara.

 

E lá vamos as duas, à garagem, buscar a caixa onde estão as pollys.

 

IMG_20190127_132213.jpg

 

 

Quando está a brincar, a mãe lá lhe vai dizendo e contando como brincava com as tias, e ela quer fazer o mesmo.

 

- Avó, não quero que dês estes brinquedos. Eles agora são meus! - avisa a Maria Clara.

 

A Clarinha adora brincar com tudo o que pertenceu à sua mãe e às tias.

 

São os seus binquedos vintage.

 

Quem se lembra da Polly Pocket?

 

 

 

 

"A Profecia Celestina"

IMG_20190126_160804.jpg

 

 

Há livros que têm um momento certo para serem lidos,  e "A Profecia Celestina" de James Redfield, é um deles.

 

Comprei "A Profecia Celestina" em 2016, até lá não tinha ouvido falar dele.

 

Comprei-o quase por impulso.

 

Estava a ler o livro do Daniel Sá Nogueira " Trate a Vida por Tu", e ele dizia que havia um livro que, depois de o ler, "tinha mudado a sua vida por completo". Nunca mais tinha sido o mesmo.

 

Eu, que tinha a minha vida profissional em farrapos, fui a correr comprá-lo, tal a vontade que tinha de mudar a "minha vida por completo".

 

Comprei-o e não passei da sexta página.

 

Não consegui ler mais.

 

Não me dizia nada.

 

Não iria resolver o meu problema.

 

Não estava preparada para o ler.

 

Não estava no momento certo.

 

Tinha era de comprar um manual que me dissesse "como me despedir do trabalho que não aguento e odeio e ter dinheiro no fim do mês para pagar as contas".

 

"A Profecia Celestina" não me iria ajudar e, acho que não iria encontrar algum livro que me ajudasse.

 

A ajuda tinha de vir de dentro de mim, com determinação e, principalmente, com persistência.

 

Três anos depois, já com a vida profissional bem resolvida (consegui a transferência que tanto queria), no dia 1 de Janeiro deste ano, voltei à primeira página do livro.

 

Estava na altura certa para o ler.

 

Sentia-o!

 

Sem "macaquinhos" na cabeça, com o coração aberto, pronta para descobrir e evoluir a minha essência, enquanto Ser Espiritual.

 

 

"Um livro que surge uma vez na vida

para mudar a vida para sempre"

 

 

 

"A Profecia  Celestina" foi insprada num antigo manuscrito peruano, e "é um romance de iniciação à nova consciência - transcendente, espiritual - que está a emergir no mundo".

 

São nove revelações que precisam ser conhecidas pela humanidade, pois só assim a evolução e a sabedoria poderão ser atingidas no próximo milénio.

 

É um livro para voltar uma, duas e muitas mais vezes!

 

E cumpri a primeira parte do desafio de ler 1 livro por mês que me tinha proposto.

 

 

 

 

Vida Encantada

a vida é demasiado.png

 

 

Vamos procurar o encantamento nas pequenas coisas....

Nas pequenas acções ....

Nas pequenas mas grandes bênçãos.

 

 

Vamos olhar o mundo de uma forma mais positiva ....

Onde não existam mágoas, ressentimentos, egoísmo, intolerância ....

Onde possamos ver a beleza nas pequenas coisas.

 

Um Mundo Encantado!

 

Foto: Google Images

As nossas escolhas

 

Escolhas.jpg

 

"A vida é a soma de todas as nossas escolhas"

Albert Camus

 

Criar o nosso futuro está dentro das nossas capacidades e ao nosso alcance.

 

E isso já está a acontecer .... para melhor ou para pior .....

 

Aliás, estamos todos, neste preciso momento, a viver as nossas escolhas.

 

Se estamos infelizes, é porque fizemos ou estamos a fazer as escolhas erradas.

 

Se estamos felizes, é porque fizemos ou estamos a fazer escolhas acertadas.

 

Mas que escolhas são estas?

 

As que fazemos diariamente, hora a hora, momento a momento.

 

Todos os dias fazemos dezenas, senão centenas de escolhas que afectam  a direcção da nossa vida.

 

Escolhas, desde escovar os dentes pela manhã, decidir por que caminho ir, a forma como comunicamos com os outros, colegas, família e amigos, o que vamos comer ao almoço ou ao jantar, que respostas dar, que atitudes tomar, etc.

 

Uma má escolha feita conscientemente poderá ser reconhecida, poderemos aprender com ela, de forma a gerar um melhor resultado no futuro.

 

Mas uma má escolha, se não for reconhecida e feita de forma consciente, ficará por resolver, deixando-nos impotentes, derrotados e vitimizados.

 

E quando deixámos os outros fazerem as escolhas por nós?

 

Aquelas que dizem respeito à nossa vida e ao rumo que devemos tomar?

 

Tornamo-nos vítimas de nós próprios,  abdicando por completo da responsabilidade e do controlo sobre nós e sobre a nossa vida.

 

E é exactamente deste controlo e desta responsabilidade que necessitamos para tornar os nossos desejos e sonhos realidade.

  

Porque quando controlamos o nosso ambiente e aquilo que escolhemos, ficamos conscientes das nossas escolhas e decidiremos de forma mais acertada. 

 

 

 Cada uma das nossas escolhas e acções 

tem um impacto directo e profundo na nossa vida.

 

 

Foto: AQUI

Motivação - Sonho - Vídeo Inspirador

 

Vídeo com uma mensagem motivacional, incentiva-nos a nunca desistir dos nossos sonhos.

 

A sermos determinados, persistentes, a acreditar sempre, a seguir em frente apesar dos obstáculos que enfrentarmos.

 

Muito inspirador!

 

Um vídeo para ver todos os dias!

 

 

 

 

Link Vídeo AQUI

 

Uma Antiga Lenda Sioux

 

Há muito, muito tempo, o Criador quis esconder algo dos seres humanos até que estivessem prontos para o ver.

Reuniu-se com todas as outras criaturas para lhes pedir conselhos.

 

A águia disse "Dá-mo  a mim e eu levá-lo-ei para a montanha mais alta da Terra."

Mas o Criador respondeu: "Não, um dia eles conquistarão a montanha e encontram-no."

 

O salmão disse: "Deixa-o comigo e escondê-lo-ei no fundo do mar."

Mas o Criador respondeu: "Não, porque os humanos são exploradores por natureza, e um dia chegarão lá também."

 

O búfalo disse:  "Levo-o e enterro-o no coração das grandes planícies."

Mas o Criador respondeu: "Não, porque um dia até a pele da Terra será rasgada e vão encontrá-lo."

 

As criaturas ficaram sem saber o que dizer, mas de súbito uma velha toupeira cega abriu a boca: "Porque é que não o colocas dentro deles - é o último sítio onde vão procurar."

 

O Criador respondeu: "Dito e feito."

 

 

Fonte: Michael Neil em "Super Coach"

Sal & Pimenta

 

Andei aqui às voltas, quase a fazer "um dó li tá", a ver qual o blog que recomendaria hoje, na rubrica Follow Friday.

 

Isto porque tenho muitos, mas mesmo muitos  blogs que visito diariamente, que leio os posts, que me identifico aqui e ali, que me inspiram, que acrescentam muito ao meu dia.

 

Não quero ser injusta, mas como sei que esta rubrica veio para ficar, terei tempo para mostrar o quanto estou agradecida aos meus queridos blogueiros, por tudo o que nos trazem todos os dias.

 

Então, mãos à obra, e ....

O blog que recomendo hoje é Sal & Pimenta.

Desde o primeiro momento cativou-me pela mensagem que a Sónia Guerreira, como lhe chamo, quer passar .... ajudar outras pessoas com o mesmo problema a conseguirem ultrapassar as fases difíceis, os obstáculos, os desafios, que ela tem passado e ultrapassado.

 

Tenho a certeza, que, com os relatos da Sónia Guerreira no "O Meu Diário Anti-Cancro", vai conseguir o seu propósito : AJUDAR

 

Um beijinho à nossa Guerreira

 

24 horas sem reclamar!

11755684_10206231609701127_2046319235180626126_n.j

 

Todos os dias reclamamos ....

 

Reclamamos do tempo .... está frio, está calor, está nublado, está muito sol ....

 

Reclamamos do governo .... dos impostos, dos partidos, dos decretos-leis ....

 

Reclamamos do trabalho ..... do patrão, dos colegas, do salário ....

 

Reclamamos .... estamos gordos, magros, assim assim ....

 

Reclamamos do futebol ..... do benfica, do sporting, do porto, da arbitragem, da roubalheira ....

 

Reclamamos ...... da família, dos amigos, dos inimigos, dos vizinhos, do padeiro, do carteiro etc.

 

E se fizermos um exercício para deixar de reclamar?

 

E se ficarmos um dia, uma semana, um mês sem reclamar?

 

E quando vem aquela vontade de reclamar .... reflectir antes de falar!

 

E pensar nas bênçãos que recebemos diariamente, nem que seja estar vivo, respirar, ter liberdade, ter todas as nossas faculdades mentais e físicas ....

 

 

Experimentemos fazê-lo durante 24 horas!

 

 

Pág. 1/5

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Mensagens

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D